Como reconhecer um Dino-sistema e não morrer na tentativa

Como reconhecer um Dino-sistema e não morrer na tentativa

Quem disse que os dinossauros desapareceram?

Vivemos em um mundo de tecnologia. Os sistemas se conectam, “conversam entre si”, e dão lugar a grandes oportunidades de inovação nas empresas e melhorias na nossa produtividade.

Mas ainda existe uma espécie pré-histórica que luta com garras e dentes para manter seu lugar em nosso planeta…

Bem vindo ao mundo dos dinossauros!

Para descobrir mais sobre estas misteriosas criaturas, primeiro temos que entender as APIs. Todo mundo fala disso hoje em dia … Mas o que são APIs?

É muito simples. Nós humanos usamos a linguagem para falar, colaborar e fazer todo tipo de coisa juntos.

Os computadores também têm uma linguagem: as APIs.

Através das APIs, os sistemas se comunicam de forma segura para alcançar coisas incríveis.

 

Para que fique mais claro, graças às APIs, hoje podemos…

  • Inserir uma localização e deixar que seu celular te guie (graças à API de GoogleMaps) 🗺
  • Iniciar uma sessão em 3 segundos com apenas um clique (usando a API do Facebook) 📲
  • Agendar uma reunião com muitas pessoas ao mesmo tempo usando seu celular (através de APIs dos seus calendários) 📆

 

Graças às APIs, as empresas podem se especializar em fazer algumascoisas muito bem. E podem se apoiar nos outros sistemas praticamente sem limites. Desta maneira, você como usuário final pode conseguir fazer coisas fabulosas com a ajuda da tecnologia. O sol brilha!

 

Mas existe uma raça antiga que ainda caminha na face da terra, balançando o chão com cada pisada…os Dino-Sistemas!

Os Dino-Sistemas se recusam a se comunicar com outros softwares. Eles vêm sobrevivendo ao passar do tempo graças aos seus truques e manobras. Nenhuma empresa de tecnologia moderna poderia se comportar assim.

Pertencem à pré-história. São duros e pesados.

Ah, e alguns também cheiram mal. 😛

Ai não! Tem um Dino-Sistema solto na minha empresa!

Mas não tenha medo! Eles não podem causar danos se você souber reconhecê-los e estiver preparado. 😎

Como reconhecer um Dino-Sistema?

Existem alguns pontos em comum para entender se seu provedor de software é um Dino-Sistema. Comece a anotar, meu amigo arqueólogo….

  • Os Dino-Sistemas não possibilitam APIs ou integrações. Eles possuem dentes afiados e dizem que podem fazer tudo sozinhos e que não precisam de outros softwares falando com eles. E, por isso, não permitem conectá-los.
  • Os Dino-Sistemas não se importam com a experiência do usuário. Priorizam o comodismo em detrimento da inovação da sua empresa.
  • Os Dino-Sistemas parecem sérios e prolixos. Eles dirão que tudo que fazem é pelo seu bem. Que o mundo é um lugar difícil, onde um meteoro pode cair a qualquer momento. E que, por isso, seu software não pode dialogar com outros…
  • Os Dino-Sistemas te dirão que são seguros. Apesar de que até os bancos hoje em dia trabalham com APIs, resguardados com sistemas de autenticação e criptografia, eles dirão isso como se fosse um argumento real. Sempre a maneira deles é a mais segura.
  • Os Dino-Sistemas são especialistas nas letras miúdas. Especialistas nas letras miúdas. Querem te prender indefinidamente com condições rebuscadas ou com contratos complexos, ao invés de se preocuparem com que você e os usuários da sua empresa se saiam bem.
  • Ah, e acima de tudo … Os Dino-Sistemas NUNCA reconhecem que são Dino-Sistemas!

O problema dos Dino-Sistemas é que eles criam Dino-Vendedores e Dino-Gerentes.

E, portanto, Dino-Empresas. Ancoradas em processos que não se conectam com o mundo e que não permitem o crescimento acompanhando o dos seus competidores.

 

Esse é você quando você percebe que já é um Dino-Gerente…

 

Os Dino-Sistemas, Dino-Gerentes e as Dino-Empresas têm um problema em comum. Mais cedo ou mais tarde, o meteoro cai. E aí eles entram em extinção.

Agora que você já sabe reconhecê-los … você vai deixar que seu provedor de software se comporte como um dinossauro?


Comentários
2019-01-19T19:47:15-03:00